NO AR | MARICÁ FM
Super Tarde
WhatsApp
(21) 97608-5195
Nas Redes!
@RadioMaricaFM

Percentual de famílias brasileiras endividadas sobe para 78,8% em maio

Em abril, para comparação o percentual de endividados era de 78,5% e, em maio do ano passado, de 78,3%.

O levantamento revelou ainda que, no mês passado, entre aqueles que ganham até três salários mínimos, ou seja os mais pobres, os endividados eram 80,9%.  Já aqueles que ganham mais de dez salários são 71,4%.

Vale lembrar que indicador apurado pela CNC considera dívidas - em atraso ou não - no cheque pré-datado, cartão de crédito, cheque especial, em carnê de loja, empréstimos ou financiamentos.

Com relação às famílias com dívida em atraso, as inadimplentes, o monitoramento realizado mensalmente pela Confederação do Comércio mostra que o indicador ficou em 28,6% em maio, mesmo nível de abril, mas abaixou dos 29,1% de maio do ano passado.

O percentual de famílias que se consideram muito endividadas chegou a 17,8% em maio; já a parcela de famílias que declararam não ter condições de pagar suas contas em atraso e que, portanto, vão permanecer inadimplentes fechou o mês em 12%.

A CNC prevê que que o percentual de endividados deve crescer ainda este ano e atingir a parcela de 80,4% das famílias brasileiras em dezembro.

CATEGORIAS
00:00